domingo, 31 de janeiro de 2010

Vou viver um dia de cada vez!


Quão sábia é esta fala, mas tambem quão difícil é alcançar este momento e realmente poder viver o que se diz.
Esta fala pode até ser nossa, mas hoje a retiro de uma notícia que li no jornal local de minha cidade onde uma mãe faz esta declaração.
Uma lição de vida!
Seu filho Lucas, nasceu com problemas neurológicos e esteve internado na UTI desde os 4 meses de vida.
Hoje ele tem 3 anos e chegou em casa.
A mãe agora se deu conta de que ela será a responsável pelo cuidado de seu filho quando antes ela tinha toda uma equipe que a ajudava e orientava nos cuidados ao seu filhinho.
Mas esta mulher é forte e me emocionou ler esta reportagem quando ela sabe que seu filho terá o tempo dele, quando ela diz, não vou ficar com pressa de ve-lo andar.
Fico imaginando, quando temos tantos sonhos e fazemos tantos planos e de repente vemos que as coisas não vão acontecer como sonhadas, idealizadas e aí temos que tirar forças daonde não temos para lidar com a situação do jeito que ela se apresenta.
Quando é com a gente, muitas vezes podemos até nos deprimir, ficar com raiva, fazer birra...mas e quando esta situação ocorre com alguém, no caso um filho, onde você sonhou, planejou e idealizou tantas coisas para seu futuro e agora no caso desta mãe, ela consegue dizer, "não vou ter pressa de ve-lo andar"!
Que mãe forte!
E tenho certeza neste mundo devem exisitir tantas outras mães lutando pelos seu filhos com esta mesma sabedoria "vou viver um dia de cada vez".
Não mais no meu tempo, mas no tempo dele.
É deixar sua ansiedade de lado, sua pressa, agora seu sonho poderá até acontecer, mãe, mas no tempo de seu filho.
Hoje, posso falar por mim, vou pensar duas vezes antes de lamentar um sonho que não deu certo, quero aprender com essa mãe a viver um dia de cada vez!
Caso voce queira ler esta notícia, aqui vai o link:
http://portal.rpc.com.br/jl/online/conteudo.phtml?tl=1&id=968899&tit=Crianca-vai-para-casa-apos-ficar-mais-de-tres-anos-no-hospital