terça-feira, 1 de setembro de 2009

BRINCADEIRAS SEM GRAÇA!

Cuidado! Por trás dessas brincadeiras há uma outra intenção. A de te diminuir.
Este comportamento é conhecido como bullying. Em inglês bully significa o forte, valentão.
Portanto estes "fortões" estão sempre em busca de pontos fracos nos outros para atingir, humilhar, se divertir como se isso fosse engraçado!
Nas escolas isto é muito comun. Crianças indefesas são sempre as vítimas. Sempre tem aquele que acha que pode mais vem e humilha, bate, agride não só fisicamente, mas também emocionalmente. E dói!
Estes dias me peguei numa situação destas.
Ai me dei conta de quantas vezes será que isso já deve ter acontecido comigo?
Como passei por muitas mudanças em minha vida até por conta de minha vida fora do Brasil, sinto que cresci, me desenvolvi e hoje de volta ao Brasil muitas pessoas podem até não saber que hoje sou mais forte e já sei me defender melhor. Como as pessoas do meu convívio ainda estão me re-conhecendo ainda não sabem que hoje sou mais forte, abro mais a boca.
Estes dias uma amiga fez uma brincadeira de mau gosto. Sabe essas brincadeiras bobas? Onde as pessoas se acham, to me divertindo as suas custas, pega em um ponto fraco seu com a intenção de te fazer sentir menor do que ela?
Na hora me senti muito mal, aquilo me doeu. Mas ai me liguei, "isso é bullying"!
Como ela continuou sendo que eu ja havia pedido para parar, não pensei duas vezes coloquei-a na mesma situação que eu. Ela parou na hora! Não sei se ela entendeu. O imporante foi que eu entendi e me defendi!
O bullying só acontece por que permitimos e por que não há denúncia!
Essa minha amiga não é uma pessoa má. Penso que até muitas vezes nós também estamos no lugar do agressor e fazemos uso dessas brincadeiras de "mau gosto" achando que é só uma brincadeira. Mas preste atenção em sua intenção e veja se não está ferindo o outro.
Um cientista sueco, Dan Olweus, define o bullying em 3 etapas:
  1. o comportamento é agressivo e negativo;
  2. o comportamento é executado repetidamente;
  3. o comportamento ocorre num relacionamento onde há um desequilíbrio de poder entre as partes envolvidas
O bullying pode ser direto ou indireto, também conhecido como agressão social, sendo este o bullying mais frequente no sexo feminino e entre crianças e se mostram da seguinte maneira:

  • espalhar comentários;
  • recusa em se socializar com a vítima
  • intimidar outras pessoas que desejam se socializar com a vítima
  • criticar o modo de vestir ou outros aspectos socialmente significativos (incluindo a etnia da vítima, religião, incapacidades etc).
O bullying ocorre nas escolas, universidades, locais de trabalho, quem sabe até mesmo na vizinhança, ou até mesmo quando você vive em outro País. O bullying acontece através de abuso psicológico ou verbal.
Se defendam!
Pais, prestem atenção em seus filhos e nos relacionamentos que eles têm em suas escolas.
Se perceberem algo, investiguem e denunciem!
Querendo se informar mais sobre o assunto:
http://www.bullying.com.br/BConceituacao21.htm